sexta-feira, 23 de junho de 2017

Encomiástico



Talvez haja mesmo um Deus
Que me tenha criado
Com mãos que Te desejam.
Talvez tenha sido Deus
A esculpir a forma das Tuas ancas
Para encaixar na curva das minhas mãos
A cravar o peso das Tuas mamas
Na palma das minhas mãos.
Talvez tenha sido Deus
A separar os meus lábios
Para cobiçar os Teus.
E se não fores crente,
Porque me adulas de joelhos?
Talvez seja o somatório
De todas as partículas de Ti
Que elevam Deus em mim
E geram a minha necessidade
De louvar o Teu Criador.

Sem Meias Medidas


Wanderlust