quinta-feira, 18 de abril de 2013

Verdade Insofismável


Se não vos fizerem isto... ou no dia em que deixarem de vos fazer isto... mudem de Cama!
Pois não existe Sonho... é tudo uma Ilusão. E no fundo, estão a ser tão objectificados como os lençóis dessa cama... ou seja, mero agasalho momentâneo. Contudo, se o objectivo for realmente uma efemeridade consentânea... então sujem lá os lençóis. Mas pessoalmente, prefiro reproduzir Jackson Pollock em lençóis, com os fluídos de alguém que não sabe apenas o meu nome... mas que o reinventa de mil e uma maneiras.

6 comentários:

  1. wowww... deixas-me estupefacta pela forma intensa como vives a vida. E digo eu que sou intensa puffff...:)

    Beijinho grande*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tempo que nos é consentido aqui à superfície é demasiado curto. Isto para não falar da brevidade dos nossos "anos bons"... assim sendo, que não se desperdice uma única gota com meias-vidas, com meios-amores ou com meias-dedicações... Viver no Limite ou não Viver.

      No fundo, James Dean até tinha a sua razão... ;)

      Eliminar
  2. Concordo plenamente...tudo tem que ser vivo intensamente, os pormenores são fundamentais, eles guardam em si o melhor. São nas pequenas coisas que aparentemente não fazem diferença nenhuma que fazem toda a diferença...

    Ártemis

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os pequenos Nadas que alicerçam um grande Tudo.

      Eliminar
  3. Os detalhes fazem a diferença em tudo, do mesmo modo que uma mesa é mais do que 4 patas e um tampo, a comunhão de duas pessoas é mais do que dois corpos uma cama e um lençol!

    Adorei*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ora nem mais... entendes-me bem, portanto.
      :)

      Eliminar