quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Égide



Tento Ser
Um pequeno deus.
Não quero explodir
Nem implodir
Uma estrela.
Não quero rodopiar planetas
Na ponta dos meus dedos.
Não quero tricotar átomos
Nem manifestar-me
Através de um profeta
Ao qual se ajoelham
E do qual deduzem planos.

Quero apenas
Dois dedos de deus.
Apenas o suficiente
Que me escore
Com divindade suficiente
Para Te atordoar
Ao meu lado.
Apenas o suficiente
Para não temeres
Mil e uma mortes
Sob a minha Égide.

4 comentários: